segunda-feira, setembro 11, 2006

orar

No dia em que se comemora mais um aniversário sobre os tristes eventos do ignóbil "nine/eleven", apeteceu-me postar aqui aquela que considero ser a mais bonita prece, aquela que é conhecida como a oração de S. Francisco de Assis:
.
"... Senhor: Faz de mim um instrumento da Tua paz... onde haja ódio, consente que eu semeie amor... perdão onde haja injúria... fé onde haja dúvida... verdade onde haja mentira... esperança onde haja desespero... luz onde haja treva... união onde haja discórdia... alegria onde haja tristeza!... Permite que eu não procure tanto ser consolado quanto consolar... compreendido quanto compreender... amado quanto amar... porque é dando que recebemos... é perdoando que somos perdoados... e é morrendo que nascemos para a eternidade..."

3 comentários:

michaeldiary disse...

1 de novembro de 1755, 1 de dezembro de 1640, 6 de agosto, o outro 11 de setembro, 25 de abril podem ser recordados com nomes: terramoto, restauração, bomba atómica, golpe de Pinochet, revolução dos cravos ou golpe militar, segundo o gosto. Por vezes recordamo-nos de nomes e não de datas, pelo menos datas exactas: Katrina, invasão do Iraque... Quando o acontecimento é inominável, por não haver precedente que tenha justificado uma designação, resta a data como etiqueta.

michaeldiary disse...

Esse comentário e de outro blog mas acho que devia estar neste também, uma data para recordar.

andorinha disse...

Seria tudo tão mais pacífico se os homens esquecessem ódios e cultivassem mais o amor.
Mas já que é neste mundo que temos que viver, vamos cada um de nós, tentar fazê-lo um bocadinho melhor.
Beijinhos