quarta-feira, setembro 21, 2005

sentimentos


"...hoje não ía postar... sentia frio... e havia névoas... por outro lado não tinha inspiração e as musas não me estavam a ajudar... mas há sempre um mas e, por vezes, por razões que a própria razão não compreende mas que não deixa de ser uma razão, o óbvio surgiu e uma necessidade de paz veio pairar sobre mim... e bastou apenas uma verdade, por mais dolorosa que ela possa parecer ser ou mesmo até ser, para que essa paz surgisse através da razão... e, com amor e por amor, entendi que uma rosa branca foi, é e será sempre um sinal de pacificação..."

7 comentários:

Anónimo disse...

Tudo está bem quando acaba em Paz.
Linda, a rosa.

piquica :)*

reverse disse...

Gostei da música, da rosa e das palavras.
Bjo. :-)

Um Olhar Sobre... disse...

Ohhhhhhhhhhhhh, não ouço a música.
Mas quem não encontraria a paz numa rosa destas e ainda para mais oferecida por ti...impossível, né? :))

Beijoka

paper life disse...

Nada mais suave que uma orvalhda rosa branca.

Ainda bem que decidistte postar.
:) Bj

gato_escaldado disse...

"rosa branca, rosa branca/ como é negro teu pesar/naquela terra distante/toda virada pro mar..."

abraços

wind disse...

E fizeste bem;) Linda rosa branca:) bjs

Anónimo disse...

Sente-se paz ao olhar para esta maravilha :))
Ruiva Alice