segunda-feira, novembro 08, 2004

desejo

...te vejo ali, parada, me olhando só... não há palavras, nem medos, nem lágrimas... há apenas um olhar profundo e um toque suave como se fosse o toque mais importante deste mundo... te olho e te fixo a alma... te possuo mesmo antes de te tocar, de te amar, até mesmo antes de te olhar... é tudo muito mais forte do que o meu querer... olhar-te bem dentro mesmo sem te ver... sentir-te só de te desejar, ali, parada numa pose linda, somente a me olhar... fixo tua boca e te sorvo completa... te abraço sem te abraçar... te afago sem afagar... te penetro sem te penetrar... está tudo ali, em ti, a meu lado... basta te desejar... e teus olhos já me possuiram... e teus olhos já me abraçaram... e teus olhos já me sentiram... ali, sem questionar, te estendo a mão... vejo teu corpo a arfar.... e sentes minhas garras te tocar... e teu corpo em minha alma se entregar... tudo tão simples: apenas o desejo de te desejar...

9 comentários:

Anónimo disse...

Olá, Quim, só hoje pude ver/ler as tuas palavras. Coisas do Sapo!... Agradeço a visita e o teu voto amigo e carinhoso. Por aqui, pressinto que o ânimo arribou, o que é óptimo. Que assim continue é o que te desejo. Beijo. DespenteadaMental

BlueShell disse...

Lindo texto, linda imagem, linda música. Voltarei. BLUE

musalia disse...

é lindo sentir assim, mas o toque é bem necessário, quim...
Beijinhos.

Anónimo disse...

Leio desejo onde se esconde o verdadeiro amor que emana das profundezas da alma... Bela música... Bjs

P.S- não consigo colocar o meu nome neste sistema de comentários. Desculpa!

Teresa (zen)

Anónimo disse...

«...tudo tão simples...» A singeleza da sensualidade pura.
beijo
Cinda

lique disse...

"Apenas o desejo de te desejar"... Muito belo o teu texto Quim! De uma grande sensualidade latente. Só o olhar pode bastar... por instantes. beijos

Ana disse...

"tudo tão simples"... e no entanto, tão intenso.
Um beijo.

Ana Crónica disse...

...lindo!

Bárbara Vale-Frias disse...

Os olhos espelham-nos, de facto, a alma. Gostei muito deste texto :)